• MENDONÇA, Vitor

Será que é possível hipertrofiar sem carga?


Estudos mais atuais têm mostrado que é possível hipertrofiar com cargas muito altas, mas também com cargas moderadas e até mesmo com cargas baixas.

Alguns estudos comparando por exemplo treinos com 30% de 1RM (repetição máxima) à treino com 80% de 1RM, desde que os indivíduos atinjam a falha muscular concêntrica, mostram que os resultados tendem a ser similares.

SIM, consigo hipertrofiar fazendo mais repetições e com cargas mais baixas. É isso mesmo!

Um estudo muito interessante publicado em 2016, comparou o efeito de um treino sem carga com um treino utilizando 70% de 1RM. No treino sem carga, os indivíduos deveriam repetidamente contrair o máximo que pudessem através de uma amplitude de movimento total.

Os músculos trabalhados sem carga tiveram hipertrofia. E o mais interessante, hipertrofia similar aos músculos trabalhados a 70% de 1RM. Então, sim, é possível gerar hipertrofia mesmo sem carga.

Vale salientar que os ganhos de força e resistência foram maiores para os músculos trabalhados a 70% de 1RM, apenas a hipertrofia foi similar!

Mas em se tratando de gerar o máximo de hipertrofia, os estudos também mostram que cargas acima de 60% de 1RM trazem melhores resultados.

Com isso ganhamos uma gama de possibilidades para periodizar o treino, podendo utilizar diversos estímulos diferentes de carga com o objetivo de variação do treino e aumento da motivação.

Então antes de falar que “quanto mais carga, melhor”, pense que mesmo sem carga é possível gerar hipertrofia.

*Texto modificado.

#hipertrofia #step #fitness

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo